FAQ - Dúvidas frequentes


  • O que é o Programa de Apoio a Laboratórios Interdisciplinares de Formação de Educadores – LIFE?

O LIFE tem por objetivo a criação de laboratórios interdisciplinares de formação de educadores. Os laboratórios constituem espaços de uso comum das licenciaturas nas dependências de Instituições Públicas de Ensino Superior – IPES destinados a promover a interação entre diferentes cursos de formação de professores, de modo a incentivar o desenvolvimento de metodologias voltadas para a inovação das práticas pedagógicas; a elaboração de materiais didáticos de caráter interdisciplinar; o uso de tecnologias da informação e comunicação – TICs e a articulação entre os programas da CAPES relacionados à Educação Básica.

  • Quais os objetivos do Programa?

Os objetivos específicos do Programa são:

  • Proporcionar formação de caráter interdisciplinar a estudantes de licenciatura;
  • Estimular a articulação entre conhecimentos, práticas e tecnologias educacionais em diferentes cursos de licenciatura;
  • Promover o domínio e o uso das novas linguagens e tecnologias da informação e da comunicação nos cursos de formação de docentes;
  • Permitir o aprendizado, a socialização e o desenvolvimento coletivo de práticas e metodologias considerando o conhecimento de diferentes disciplinas;
  • Promover a criação de espaço para o desenvolvimento de atividades pedagógicas que envolvam os alunos das escolas públicas de educação básica, os licenciandos e os professores dos programas de formação da IES;
  • Promover a valorização dos cursos de licenciatura e de Pedagogia;
  • Quais são as Instituições elegíveis?

Podem submeter projetos as IPES que ofertem, no mínimo, dois cursos de Licenciatura em diferentes disciplinas/áreas de formação docente para a Educação Básica e participem de pelo menos um dos seguintes Programas de Educação Básica da Capes: PARFOR, PIBID, PRODOCENCIA, OBEDUC, NOVOS TALENTOS, PROJETOS ESPECIAIS, UAB e PROFMAT.

  • Como comprovar a participação nos Programas de Educação Básica da Capes?

Para comprovar a participação nos Programas de Educação Básica da Capes, a IES deverá anexar cópia do extrato da publicação no Diário Oficial da União do Termo de Convênio, Termo de Cooperação ou do Auxilio a Pesquisador.

  • Apenas Instituições Públicas estão aptas a concorrer ao edital? 

Sim. Apenas podem submeter propostas ao Edital do LIFE Instituições Públicas de Ensino Superior – IPES.

  • Onde os Laboratórios terão sede?

Os Laboratórios podem ter sede em espaços já existentes na IPES ou em seus campi, inclusive nas escolas ou colégios de aplicação que pertencentes às IPES.

  • As escolas de aplicação podem sediar um núcleo interdisciplinar?

Sim, os laboratórios podem ser sediados, também, nas escolas de aplicação que pertencem as IPES.

  • Como fazer a submissão do projeto?

Os projetos serão submetidos em formato eletrônico por meio do Sistema Integrado Capes – SICAPES, disponível no link: http://sicapes.capes.gov.br. O Coordenador Institucional do Projeto, indicado pela IPES, será o responsável pelo cadastro e submissão do projeto no SICAPES.

  • Quantos coordenadores o projeto pode ter?

Quando o projeto envolver subprojetos em diferentes localidades, a IPES deverá indicar um coordenador para cada subprojeto, observando que um deles será, obrigatoriamente, o Coordenador Institucional do Projeto. É importante ressaltar que todos os coordenadores deverão ser indicados pelo representante máximo da IPES.

  • Qual é o valor total do projeto institucional?

O valor máximo admitido por projeto institucional será de R$ 200.000,00 (Duzentos mil reais); que poderá abranger subprojetos de criação e/ou reestruturação de Laboratórios Interdisciplinares. O projeto poderá abranger o máximo de duas reestruturações.

  • Quantos laboratórios podem ser criados?

Podem ser criados laboratórios até ser atingido o valor máximo por projeto institucional, ou seja, R$ 200.000,00.

  • Quantos subprojetos de reestruturação são permitidos por Projeto Institucional?

O projeto poderá abranger o máximo de duas reestruturações, cujo valor máximo a ser concedido será de R$ 75.000,00 (Setenta e cinco mil reais) por reestruturação.

  • Quais são os itens financiáveis do projeto?

Os projetos selecionados receberão recurso de capital para a aquisição de bens e materiais permanentes.

  • Há previsão de pagamento de bolsas no âmbito do LIFE?

Não há previsão de pagamento de nenhuma modalidade de bolsa no âmbito do Edital do LIFE, seja para alunos dos cursos de licenciatura ou para coordenadores de projeto.

  • Como proceder na prestação de contas?

A cada doze meses de execução contados da data da vigência do convênio ou instrumento congênere firmado, a IPES deverá apresentar relatório parcial de cumprimento de objeto;

  • Como será realizado o acompanhamento dos projetos contratados?

As propostas do Programa de apoio a Laboratórios Interdisciplinares de Formação de Educadores serão analisadas, acompanhadas e avaliadas pela CAPES, inclusive com visitas in loco.

Para esclarecimentos adicionais, entre em contato com a equipe do Programa, através do e-mail life@capes.gov.br.